• Google Maps e OpenStreetMap para estudos sobre mobilidade nas periferias

    Escrito por Antônio Heleno Caldas,professor do curso de Produção de Cartografias e Análise de Mapas Online.   Apresentamos a seguir dois breves exemplos de como as cartografias digitais voluntárias são suscetíveis tanto às diferenças de plataformas quanto a variáveis territoriais de ordem social, econômica e cultural, além das escalas geográficas. Trata-se de um experimento feito
  • Google Maps e OpenStreetMap: a nova “corrida espacial”

    Escrito por Antônio Heleno Caldas, professor do curso de Produção de Cartografias e Análise de Mapas Online. A globalização das técnicas viveu durante a “corrida espacial” uma das fases mais decisivas na história contemporânea. O século XXI assiste a “corrida info-espacial”.  Na fase atual, diferentes tecnologias e sistemas de infraestruturas e comunicação via GPS disputam a representação

  • O Arquétipo da Sombra na Polarização Política Brasileira, novo livro Editora IBPAD é lançado em Brasília

    Na segunda semana de julho, em um evento exclusivo para convidados, foi lançado em Brasília o livro O Arquétipo da Sombra na Polarização Política Brasileira, da Mestre em Ciência Política Deborah Celentano. Com pós em psicologia Junguiana pelo IJEP — Instituto Junguiano de Ensino e Pesquisa, Celentano apresenta um diálogo entre o pensamento político brasileiro atual, no que se
  • O Arquétipo da sombra na polarização do pensamento político brasileiro

    Neste livro instigante, a autora busca analisar um fenômeno contemporâneo de extrema relevância, a polarização política no Brasil, a partir de um enfoque teórico potente: a Psicologia Analítica de Carl Gustav Jung. A autora transpassa os muros das disciplinaridades, cruzando as fronteiras de sua formação, para articular o olhar da Ciência Política com a Psicologia Analítica junguiana, num autêntico

  • Geocomunicações: tendências do mercado brasileiro de cartografia

    Escrito por Antônio Heleno Caldas, professor do curso de Produção de Cartografias e Análise de Mapas Online. Você já deve ter se perguntado um dia “Quando o sinal da Internet e do GPS passaram a se conectar?” ou até “Quem produz os mapas geográficos que utilizamos em tantos aplicativos?”. Para começar a responder estas e outras questões
  • Histórico das APIs no Monitoramento e Pesquisa em Mídias Sociais

    Fizemos um breve levantamento sobre a história das APIs no contexto do monitoramento e pesquisa em mídias sociais. Embora o foco seja o Facebook – devido à relevância tanto em termos de popularidade quanto de restrições técnicas –, também situamos o Twitter, o Instagram e o YouTube nessa história. Ao final, questionamos em tom reflexivo

  • Um breve estudo sobre influenciadoras de moda e beleza

    Texto por Thiago Barone   Não é preciso trabalhar na área de comunicação para perceber o peso que influenciadores digitais ganharam nas estratégias de marcas dos mais variados setores. Idealmente, a escolha dos nomes que figuram essas estratégias deveria ser pautada por dados e critérios eficazes na equalização dos diversos objetivos da empresa - branding,
  • Estudando Cultura e Comunicação com Mídias Sociais

    A publicação “Estudando Cultura e Comunicação com Mídias Sociais” reúne colaborações de professores, colaboradores e estudantes de atividades do IBPAD. Através de 20 capítulos, a obra apresenta reflexões, aplicações e instruções sobre métodos de pesquisa em mídias sociais, incluindo análise textual em rede, etnografia digital, cartografia de controvérsias, mineração e raspagem de dados.

OutrasInformações