Inteligência artificial em pesquisa: para onde vamos?

livro-monitoramento-e-pesquisa-em-midias-sociais-320pxO futuro da inteligência artificial baseada em big data é muito próspero e as possibilidades são enormes, mas é preciso manter o pé no chão e conhecer seus limites e potenciais com quem realmente a desenvolve. É nesse cenário reflexivo que Rodrigo Helcer e Milton Stiilpen Jr fecham o nosso novo livro, “Monitoramento e Pesquisa em Mídias Sociais: metodologias, aplicações e inovações”, apresentando três tecnologias “primárias” aplicada à inteligência em mídias sociais que têm se consolidado tanto na academia quanto no mercado.

“IA sozinha, sem orientação do homem, perde seu poder. Seria uma varinha sem mago. Uma capa sem dono. A máquina é bem-vinda para somar, e não para tirar. E manter com o homem o que lhe é nato: a alma, a emoção e a sensibilidade criativa.”

Antes, os autores desmistificam a competição ente inteligência natural e inteligência artificial, defendendo que uma deve sempre servir de suporte para que a outra se desenvolva de forma mais rica. Como bem pontuam, “A IA traz consigo um despertar de consciência para o uso correto de nossa inteligência natural”, permitindo que dedicamos nossa inteligência a atividades menos operacionais e mais criativas. As novas tecnologias devem servir para ajudar a superarmos os “vilões” do trabalho com internet atualmente: o gigante de dados (limpando apenas o que se é útil e acionável) e o ladrão de tempo (permitindo realocar nossos esforços para melhores atribuições).

ia-stilingue

No capítulo você conhece (mais sobre) as tecnologias de: processamento de linguagem natural (natural language processing, em inglês); aprendizado de máquina e redes neuras (maching learning, em inglês); e visão computacional (computer vision ou image intelligence, em inglês). Além dos conceitos por trás de cada tecnologia e aplicações práticas (com cases reais), são apresentados os principais avanços que prometem uma mudança no trabalho de social analytics e os principais desafios a serem enfrentados, estes principalmente relacionados às questões de falta de investimento para o desenvolvimento das tecnologias.

Faça o download do livro em nosso site.

postrelacionados

Comentários

comments

Deixe um comentário