Lula destaca estrategicamente imagens de multidão no Instagram

As fotografias que compartilhamos nas mídias sociais não são aleatórias, nós escolhemos o que queremos comunicar aos espectadores controlando – na medida do possível – o modo pelo qual seremos enxergados pelo público. No caso de políticos, esse controle é – ou deveria ser – muito mais refletido, já que o aparato imagético publicado na internet ajuda a formar a sua figura pública.

Ao observarmos as imagens compartilhadas por Lula (primeira figura abaixo), por exemplo, é possível perceber que boa parte da sua produção para o Instagram coloca as pessoas no centro, com fotografias de multidões, grupos de apoio e eleitores no geral. Já Bolsonaro, embora também tenha uma concentração de imagens desse caráter, trabalha muito mais com imagens enunciativas – que contêm também textos, chamadas, etc.

Além disso, é possível observar também na rede de imagens de Jair Bolsonaro algumas imagens de enquadramento que indicam gravações, ou seja, são vídeos publicados em seu perfil no Instagram. Essas e outras descobertas foram realizadas pelo Instituto Brasileiro de Pesquisa e Análise de Dados no relatório “EM BUSCA DO MELHOR ÂNGULO: a imagem dos presidenciáveis no Instagram – uma análise quanti-qualitativa com inteligência artificial”.

Neste estudo de caso, foram analisadas todas as imagens e vídeos publicadas em 2018 nos perfis do Instagram de cinco pré-candidatos: Lula, Jair Bolsonaro, Marina Silva, Ciro Gomes e Geraldo Alckmin. Tendo em mente o Instagram como plataforma visual, o olhar foi direcionado ao aparato imagético de cada pré-candidato. Com o auxílio de técnicas de inteligência artificial, foi possível identificar as principais linhas editoriais dos presidenciáveis, quais e quem possuem melhores resultados e como se apresentam quanto a formatos e temáticas.

Faça download do material

* campo obrigatório

postrelacionados

Comentários

comments

Deixe um comentário