ILÊ ASÉ INTERNET – Candomblecistas no Ciberespaço

*Por Kelvin Alves

Já fez download do novo livro? A Editora IBPAD lançou mais uma publicação: Estudando Cultura e Comunicação com Mídias Sociais. Com um rico conteúdo sobre métodos de pesquisa em mídias sociais, incluindo análise textual em rede, etnografia digital, cartografia de controvérsias, mineração e raspagem de dados.

E um dos capítulos foi escrito pelo ex-aluno Kelvin Alves, que realizou nosso curso Etnografia em Mídias Sociais e é formado em Comunicação Social com Habilitação em Publicidade pela Faculdade Zumbi dos Palmares. O intuito do estudo realizado foi apresentar uma vasta discussão sobre o comportamento de Candomblecistas no Ciberespaço.

O autor pontua características importantes do Candomblé que foram cruciais para a sua escolha do estudo, como por exemplo, a sua estrutura pautada na transmissão ideológica na oralidade e hierárquica. O objetivo foi compreender qual a percepção de seus adeptos quanto à representatividade de seus ritos e adeptos no universo online, como também mapear o comportamento de uma comunidade específica e pouco estudada (fora do ilé*), que segue uma tradição de várias e complexas restrições.

Entender como conversam e como se portam, entre outras coisas, é um dos objetivos deste trabalho, visto que a internet e as redes sociais estão reconfigurando as interações sociais, ainda que exista um esforço para manter-se a tradição e o foco na transmissão de conhecimento apenas via meios orais.

*Do yorubá: casa, termo usado geralmente para se referir às casas de culto.

O estudo foi orientado pelas seguintes questões norteadoras:
• Os candomblecistas se sentem confortáveis em falar de sua religião nas
mídias sociais?
• Por qual motivo os adeptos querem ser ouvidos e vistos na sociedade?
• De que forma se sentem pertencentes ao ciberespaço?

Confira o texto completo no livro Estudando Cultura e Comunicação com Mídias Sociais!

Preencha o formulário para download:

* indicates required

postrelacionados

Comentários

comments

Deixe um comentário