Pesquisa TIC Covid-19 revela as mudanças de hábitos brasileiros na Internet durante a pandemia

Painel TIC Covid-19 divulgado hoje (13/8)  pelo Cetic.br (Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação) revela as mudanças de hábito dos brasileiros em atividades na internet, cultura e comércio eletrônico. 

A 1ª edição do painel contou com 2.627 respondentes com 16 anos ou mais. A coleta foi realizada entre 23 de junho e 8 de julho com entrevista pela web e por telefone. A 2ª edição da pesquisa vai abordar serviços públicos on-line, privacidade e telessaúde; a 3ª edição, ensino remoto e trabalho remoto. 

Os destaques apontam tendências importantes para a profissionais e gestores da educação, profissionais de mídia, pesquisadores da comunicação, entre outros. Alguns dos principais destaques são:

  •  Aumentou o acesso à internet pela televisão e cresceu o uso combinado de dispositivos (celular + computador).
  • Classes DE realizaram mais atividades ou pesquisas escolares pela Internet durante a pandemia.
  • O pagamento por serviços de streaming de filmes e séries aumentou mais nas classes mais baixas e por serviços de música nas classes mais altas.
  • O uso de aplicativos de mensagens instantâneas foi o canal de compra mais usado durante a pandemia.
  • A maioria dos usuários de Internet afirma que está comprando mais pela Internet e consumindo mais de produtores locais e pequenos comerciantes

Confira todos os destaques elencados pelo Cetic.br aqui.

 

Metodologia

O relatório metodológico do painel TIC Covid-19 é transparente e detalhado em boa medida.

Os dados foram coletados por meio de questionários estruturados, com perguntas fechadas e respostas predefinidas, onde existiam apenas respostas únicas ou múltiplas. O questionário web não teve mediação de entrevistador e o por telefone foi aplicado por pessoal treinado. 

A aplicação por telefone foi realizada principalmente para contemplar segmentos populacionais mais raros nos painéis on-line.  

O desenho amostral da pesquisa foi baseado no Painel Conectaí, mantido pelo IBOPE inteligência. Sobre o recrutamento dos participantes, o Cetic.br afirma apenas que é feita por uma série de canais e métodos. Os respondentes recebem incentivos para responderem à pesquisa.

O processamento dos dados passou por uma ponderação dividida em duas etapas: 

  1. Estimação do contingente total de usuários de Internet de 16 anos ou mais idade no Brasil na data de referência da pesquisa que são representados pelos respondentes do Painel TIC Covid-19; 
  1. Estimação de pseudo-probabilidades de seleção desses respondentes para ponderação do Painel TIC Covid-19.

Confira as ponderações e mais detalhes da metodologia aqui.

 

Outros links importantes

 Questionário completo aplicado na pesquisa

Descrição Metodológica completa

Relatório da 1ª edição

Destaques da pesquisa para imprensa

postrelacionados

Tags:  ,   ,  

Comentários

comments

Deixe um comentário